Hospital Militar

Page 4 of 11 Previous  1, 2, 3, 4, 5 ... 9, 10, 11  Next

View previous topic View next topic Go down

Hospital Militar

Post by Ryou Hayashi on Tue Jan 03, 2017 4:16 pm

First topic message reminder :

Sem sombra de dúvida o melhor Hospital de Camlann River. O único problema do lugar, além da necessidade de ser militar ou ter parentesco com um para conseguir atendimento, é que todos os procedimentos são bem rígidos e mesmo os médicos parecem sempre ter uma sombra de cansaço em seu semblante. Apesar disso tudo, possuem atendimento 24 horas.
Possui acesso para a base militar.

-> Base Militar
-> Principal
avatar
Ryou Hayashi

Posts : 917
Join date : 2017-01-02

Ficha
Hp:
0/0  (0/0)
St:
0/0  (0/0)
MC:
0/0  (0/0)

Back to top Go down


Re: Hospital Militar

Post by Edgar Poem on Tue Jan 31, 2017 10:39 pm

Um gato preto pulava na janela e ficava la parado olhando, encarando.

[-60% MC]

_______________________________________________________
avatar
Edgar Poem

Posts : 248
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
110/110  (110/110)
St:
0/0  (0/0)
MC:
10/420  (10/420)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Emmerich Zieger on Wed Feb 01, 2017 12:01 am

Assim que ele mencionou possuir algum tipo de cumplicidade com a Papisa, um sorriso irônico projetou-se em meu rosto.
— Consigo imaginar perfeitamente o tipo de acordo que vocês têm. — Disse eu, num tom recheado de acidez e desprezo, calando-me em seguida. Mantive meu olhar inerte diretamente contra o dele, analisando sua expressão cuidadosamente; gostaria de saber como ele reagiria diante de minha atitude cínica para saber mais detalhadamente de sua relação com a Papisa.

— Está enganado. — Disse eu, tornando a cabeça à esquerda e deslizando a mão dali para cima, à fim de remover os fios de cabelo que ocultavam a região, expondo, então, a Autoridade Divina que possuía. Era uma espada longa com dois pares de asas no entorno, cintilando sutilmente na cor azul.

— Isso aqui... — eu sorri — ... não me foi concebido agora. Queima há semanas! — Exclamei, retornando à posição original, mantendo meus olhos contra os dele e as mãos nos pequenos bolsos daquela calça. — Sou Nephilim tanto quanto qualquer outro, e talvez prioritariamente. Eu apenas me atrasei para o jogo. — Encerrei.

Olhei sobre os ombros em direção ao gato negro que subitamente saltara sobre a janela que eu quebrei alguns minutos antes, curioso com relação à própria curiosidade do bichano.


Last edited by Emmerich Zieger on Wed Feb 01, 2017 12:19 am; edited 1 time in total
avatar
Emmerich Zieger

Posts : 46
Join date : 2017-01-29

Ficha
Hp:
320/320  (320/320)
St:
8/8  (8/8)
MC:
260/260  (260/260)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Gael Donnet on Wed Feb 01, 2017 12:13 am

Ele era cínico, dissimulado, aparentava ser frio e até mesmo isolado mecanicamente, isso era um problema pensei comigo no que faria com aquelas informações, sabia que ele era o homem a qual lhe foi informado porém, antes de falar qualquer coisa notou a presença de um gato preto. — Tsc. — Foi o único som que Emmerich ouviria por hora, estava próximo da janela por caminhar até a tal.

Levei a destra em direção ao gato negro, segurando-o pela cabeça com um tanto de força, era bruto para estar lidando apenas com um animal, levando-o até o lado de fora da janela ainda segurando em sua cabeça, o joguei para o chão, fazendo então uma espécie de rajada de vento ser enviada atrás do tal para garantir sua morte.

Aparentemente este lugar foi exposto... Não tenho tempo então, aquele gato é algum tipo de magia de algum servo... Fui informado sobre ele por outro servo aliado, então não fique bobeando com gatos próximos de você, como dizem... São animais da traição, certo? — Removi o tapa-olho que escondia o olho destro, enquanto movi o olhar em direção ao tal, demonstrando assim a mesma imagem que ele havia adquirido. — Querendo ou não, estamos na guerra, e tudo vai se voltar contra você por ser... Espero que o último. Coloquei o tapa-olho novamente enquanto sentia um certo efeito sendo impedido pelas minhas capacidades mágicas, conhecia aquela magia apenas por ouvir oque Momo falou sobre ela.

De qualquer forma... Aqui esta meu número. — Retirei do bolso da camisa roxa um cartão quase transparente, parecia ser feito totalmente de vidro com algumas letras douradas em francês junto a um número. Levei a mão direita até o ombro do rapaz e assim olhei fixamente em seus olhos. — Fique seguro por hora... Quando tiver um tempo eu venho lhe visitar. 


Era visível apenas para Emmerich uma espécie de donzela caminhar pelo quarto, era rápido o suficiente para que o tempo aparentemente parasse enquanto ela, valsando o quarto sozinha tocava meu rosto, desferindo um beijo e logo após no rosto de Emmerich, uma luz brilhou o quarto por completo destruindo e afastando assim qualquer tipo de rastreio a qual um dos dois foi pego, sendo mágico ou tecnológico.


Ao fim da cena, o moreno solta o ombro do tal, começando a caminhar em direção a porta, seguindo até o carro a qual lhe esperava na porta do hospital para leva-lo a casa.

mdt; ?
avatar
Gael Donnet
Seikishidan
Seikishidan

Posts : 768
Join date : 2017-01-02

Ficha
Hp:
300/300  (300/300)
St:
9/10  (9/10)
MC:
210/320  (210/320)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Emmerich Zieger on Wed Feb 01, 2017 12:58 am

— Em nada me importa quantos se voltem contra mim. — Exclamei com convicção, fazendo uma breve pausa em seguida, apanhando seu cartão e guardando-o em meu bolso esquerdo. — Eu irei perseverar. — Novamente exclamei, desta vez com mais afinco pela brevidade.

Permaneci em silêncio enquanto observava com certo encanto a dama bailar delicadamente e beijar a mim e Lupus, encerrando com um intenso radiar de energia que apossou-se do quarto por inteiro. Eram cenas que lembravam-me de despertar para o Santo Graal. 

Virei-me para a janela, caminhando até ela e subindo-a com cautela, à fim de não fatiar-me com os cacos de vidro que ali permaneceram. "Já passa da hora... e também, esta é uma ótima oportunidade de conhecer minhas capacidades." Pensei confiantemente, ativei meus circuitos mágicos (5%) e impulsionei-me dali com grande potência em direção à rua principal do bairro 5.

MDT ~ /\
avatar
Emmerich Zieger

Posts : 46
Join date : 2017-01-29

Ficha
Hp:
320/320  (320/320)
St:
8/8  (8/8)
MC:
260/260  (260/260)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Setsuna e mais uma negada on Sat Apr 15, 2017 5:30 pm

Algumas servas procuravam por Lucca neste local.

_______________________________________________________
avatar
Setsuna e mais uma negada

Posts : 289
Join date : 2017-01-19

Ficha
Hp:
300/300  (300/300)
St:
99999/99999  (99999/99999)
MC:
228/275  (228/275)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Setsuna e mais uma negada on Sat Apr 15, 2017 5:35 pm

As servas neste local se dirigem ao bairro 7, aproveitando no caminho para notificar Reed

_______________________________________________________
avatar
Setsuna e mais uma negada

Posts : 289
Join date : 2017-01-19

Ficha
Hp:
300/300  (300/300)
St:
99999/99999  (99999/99999)
MC:
228/275  (228/275)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Edgar Poem on Sun Apr 16, 2017 6:22 pm

O servo chegava dentro do hospital guiando Emillie.

--Só falar com um dos atendente ali, lembre-se de avisa-los que este é Shariz, talvez ajude em algo. - o servo esperava então pelo melhor.

_______________________________________________________
avatar
Edgar Poem

Posts : 248
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
110/110  (110/110)
St:
0/0  (0/0)
MC:
10/420  (10/420)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Émilie on Sun Apr 16, 2017 6:25 pm

Ela acenou com a cabeça para Reaver, como uma maneira de agradecê-lo. 

Chegava perto da atendente, com o mestre no colo, e uma feição extremamente preocupada no rosto.

"Com licença ele... O Shariz precisa de ajuda, urgentemente."
avatar
Émilie

Posts : 195
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
189/380  (189/380)
St:
1/1  (1/1)
MC:
300/300  (300/300)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Ryou Hayashi on Sun Apr 16, 2017 7:22 pm

Os médicos de plantão arregalaram os olhos ao reconhecer Shariz ali, tomando-o dos braços da Saber e correram para a emergência com o mesmo.

(Shariz desperta durante a Madrugada)

_______________________________________________________
avatar
Ryou Hayashi

Posts : 917
Join date : 2017-01-02

Ficha
Hp:
0/0  (0/0)
St:
0/0  (0/0)
MC:
0/0  (0/0)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Edgar Poem on Mon Apr 17, 2017 1:30 am

Alguns gatos pretos, 9 ao todo se repousavam pelo lugar espalhados pelo perímetro.

_______________________________________________________
avatar
Edgar Poem

Posts : 248
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
110/110  (110/110)
St:
0/0  (0/0)
MC:
10/420  (10/420)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Ryou Hayashi on Mon Apr 17, 2017 1:39 am

Um portal abriu em um canto afastado e sem movimento, e dali Clemence apareceu, jogando o corpo para fora, rolando no chão enquanto abraçava Lucca para a protegê-la.

O corpo do Padre estava com pontos azulados que pareciam desaparecer com ele, e mesmo grunhia baixo de dor, todavia, conforme o portal fechava e alguns segundos passaram, os pontos sumiram e sua respiração normalizou. Rapidamente as caudas sumiram, assim como as orelhas e, de forma geral, Clemence retornou ao normal. Lucca, que se encontrava nos braços do jovem padre, arregalou os olhos e se levantou devagar. Estava atordoada: nunca sequer sonhou que entraria no Além ainda viva! Estava admirada, seus olhos brilhavam e sorria, mas logo a expressão mudou para preocupação com seu salvador, colocando as mãos em seus ombros.

- Padre! Está tudo bem?!

A loira observou os arredores, rapidamente reconhecendo onde se encontravam enquanto Clemence se levantava, passando a mão no rosto e respirando fundo. Logo seu olhar dourado voltou furioso para Lucca, segurando-a forte pelos ombros.

- O que você tem na sua cabeça, Lucca?! - Clemence gritava enfurecido. - Uma coisa é você ser sequestrada, mas você planejou isso tudo!! Por que foi se entregar a eles?! Caralho sua estúpida! Ele... Ele ficou morrendo de preocupação! Por que foi fazer aquilo?!

A garota se encolheu diante da fúria do homem, estremecendo diante daquilo tudo. Os olhos rapidamente começaram a derramar lágrimas e soluços irromperam.

- De-Desculp--

- Não me venha com desculpas! Não é a mim que deve elas!

- Eu... Eu só achei... Que se eu pudesse desaparecer sendo odiada por todos... Que... Que...

Soluços e o choro atrapalharam sua fala e Clemene emudeceu diante daquela face chorona, soltando um suspiro e acabou a puxando para si, abraçando-a. Seu instinto de irmão mais velho falou mais alto, lembrando-se da sua própria irmã mais nova que tanto o odiava. Levou a mão direita a cabeça da loira que agora chorava copiosamente nos braços do padre.

-... Vai estar segura aqui agora. A base militar é a base da Clock Tower. - Falou enfim quando ela se acalmou um pouco. - Mas já devia saber disso... Preciso reportar tudo que aconteceu.

Todavia, Clemence não teve coragem de desvencilhar do abraço, mantendo-se ali durante alguns minutos enquanto acalmava a garota.

- Vai ficar tudo bem... Você está segura agora...

_______________________________________________________
avatar
Ryou Hayashi

Posts : 917
Join date : 2017-01-02

Ficha
Hp:
0/0  (0/0)
St:
0/0  (0/0)
MC:
0/0  (0/0)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Edgar Poem on Mon Apr 17, 2017 2:04 am

Para fazer companhia ao grupo de gatos um corvo negro estava sobrevoando o local

_______________________________________________________
avatar
Edgar Poem

Posts : 248
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
110/110  (110/110)
St:
0/0  (0/0)
MC:
10/420  (10/420)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Albert (Albe) Tannhauser on Mon Apr 17, 2017 2:38 am

Estacionou o carro e entrou naturalmente no hospital. 

Vestia-se ainda com a elegante jaqueta escura aberta com rouba social por baixo e gravata vermelha em sua gola.

Está de noite, era o hora em que os médicos estavam mais cansados do que comumente estão e ansiosos para a troca de plantão. Passar por eles não era um desafio além da média e encontrar o quarto de Shariz foi uma tarefa ainda mais fácil. Pois podia sentir a presença de seu servo que não poderia estar em nenhum outro lugar se não montando guarda próximo dele.

Abriu a porta e olhava para o leito de Shariz.

Aqui é o pior lugar para alguém com seu renome se abrigar. Seus inimigos não eram nada discretos, não podia confiar que eles não seriam desinibidos em atacar um hospital.

- Você está aí, servo de Shariz? - Chamava sem esperar uma resposta. - Eu vim prestar alguma ajuda ao seu mestre, isso só vai levar um instante, então não me interrompa.

Dito isso ele tirou uma especie de giz negro do bolso e caminhou diante do leito de Shariz. Abriu seu roupão e desenhou em seu peito a runa Algis - Zurus para então ativou a sua magia causando um leve e pacifico brilho claro em volta do corpo do mestre.

- Eu entendo que não tiveram muitas opções, mas não recomendo continuarem aqui, não é um bom esconderijo. - Dizia enquanto caminhava para a porta parando por um momento. - Eu encontrei, então é o bastante pra provar o meu ponto. Vou deixar a magia agindo por um tempo, se preferirem partir mais cedo, apenas apaguem a runa.

Deixaria a runa ativa por mais duas horas. Não fez mais nada, apenas caminhou para fora do hospital, entrou no carro e partiu.



Efeito: Cura 1D8 + MOD MAG + bônus de HP e remove 1 Status Negativo do alvo no início de cada cada turno dele, exceto Exausto, Curto-Circuito e Derrotado. Não afeta Constructos ou Objetos. Não-acumula.


Lance: 1d8 + 4 por hora


mdt, rua princial

_______________________________________________________
rly nigga? rly?
avatar
Albert (Albe) Tannhauser

Posts : 331
Join date : 2017-01-05

Ficha
Hp:
240/240  (240/240)
St:
8/8  (8/8)
MC:
250/250  (250/250)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Administrador on Mon Apr 17, 2017 2:38 am

The member 'Albert (Albe) Tannhauser' has done the following action : Lançar dados


#1 '8' : 5

--------------------------------

#2 '8' : 2

--------------------------------

#3 '8' : 4
avatar
Administrador
Ultimate One

Posts : 854
Join date : 2016-12-20

Ficha
Hp:
1/1  (1/1)
St:
1/1  (1/1)
MC:
1/1  (1/1)

http://steigen.forumotion.com

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Padre Clemence on Mon Apr 17, 2017 7:10 pm

Depois de algumas horas terem se passado, Clemence notou que Lucca pareceu ter se acalmado, e ele mesmo também se acalmou. Deu dois tapinhas nas costas da loira, fazendo menção de se levantar de onde estava.

- Lucca, não podemos ficar aqui. Vamos... Tenho que avisar os Enforcers e os Executores para se movimentar. Não sabemos quanto tempo temos até eles chegarem, certo?

O tom de voz retornou a ser fraternal e calmo, na realidade havia mais cuidado na fala do rapaz conforme falava. Depois de toda aquela experiência... Bem, era complicado. Se levantou devagar assim que pôde, ajudando-a a se levantar e tratou de limpar-se em seguida, ajeitando a batina.

- Vamos. Tenho que avisar os outros da sua segurança.

Ofereceu de volta um sorriso calmo, tirando o lenço de dentro da batina para limpar o rosto da mesma, chegando a dispor o lenço no nariz da garota e murmurar que assoasse o nariz, guardando-o em seguida e tomando cuidado para que não sujasse-o.

- Se sentindo melhor..? - Tocou o ombro da garota, olhando-a nos olhos.

Com a resposta que recebesse, pegaria o telefone, discando rapidamente.

-... Ela está segura... Estamos no Hospital Militar. Vou levá-la para a Base da Clock Tower, ela estará segura lá. Uhm..?... Compreendo. Precisamos avisar os líderes. Seu homem está aqui?... Ótimo, irei encontrá-lo.

O padre desligou o telefone e voltou-se para Lucca, sorrindo suavemente.

- Venha.

Indo para a recepção, Clemence avisou a recepcionista para chamar Blair, permanecendo ali na espera.
avatar
Padre Clemence
Igreja
Igreja

Posts : 84
Join date : 2017-01-13

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Émilie on Mon Apr 17, 2017 7:22 pm

Desmaterializada, após toda a confusão, ao lado do leito do mestre, a loira notava a aproximação do rapaz. Escutava as palavras dele, sem responder ou dar sequer um sinal de vida, mas preparada para voar no pescoço dele caso alguma coisa acontecesse. Felizmente, o rapaz tinha vindo para ajudar, e a mesma ficou, de certa forma, um pouco aliviada. 

A sugestão do garoto, sobre o hospital não ser o melhor esconderijo, fez com que Émilie voltasse a se preocupar. Seu intuito, na hora, não era encontrar um lugar para se esconder, mas sim um local para ajudar Shariz. Suspirou, então, materializando-se após se certificar de que mais ninguém estaria perto da sala para vê-la, largando um beijo na testa do mestre como uma forma de consolo. 
"Não posso fazer nada para ajudar a te curar, mas posso fazer isso para que se sinta, pelo menos um pouquinho, melhor."

Em seguida saiu da sala, e ficou vagando pelos corredores, como uma maneira de arejar a mente e ajeitar todos seus pensamentos. Muita coisa havia acontecido em um curto período de tempo, e a mesma sabia de quase nada sobre o novo mestre. Aliados, locais para se esconder, nada.
avatar
Émilie

Posts : 195
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
189/380  (189/380)
St:
1/1  (1/1)
MC:
300/300  (300/300)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Lucca Archibald on Mon Apr 17, 2017 7:43 pm

Mas calma, Lucca conseguiu se levantar e parar de chorar. Acenou positivamente com a cabeça após ouvir as palavras do jovem padre, levantando-se após o mesmo e aceitando a ajuda para se levantar. Atualmente, o catalizador original se encontrava no formato original, sem espalhar corrupção alguma, apenas ali no seu peito, sobre o coração, pulsando sutilmente em uma cor, todavia, mais clara, parecendo lentamente tornar-se branco.

Ficou um pouco avermelhada e sem jeito com o cuidado do padre, mas não resistiu, apenas se limitando a sorrir e até mesmo assoar - acabou ficando ainda mais vermelha nesse último. Seguiu-o em silêncio, sentindo o assoalho frio nos pés descalços conforme caminhava para a recepção, notou alguns olhares a estranhando, mais por conta das suas roupas, mas... Foi ignorada. Enquanto Clemence ajeitava suas coisas, buscou um copo de água para se refrescar.
avatar
Lucca Archibald

Posts : 535
Join date : 2017-01-07

Ficha
Hp:
200/200  (200/200)
St:
4/4  (4/4)
MC:
250/250  (250/250)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Émilie on Mon Apr 17, 2017 8:07 pm

Acabou parando na recepção, após vagar por tanto tempo, então se deparando com um rosto familiar. Ficou algum tempo processando e tentando lembrar de onde teria visto o rapaz, agora recordando-se de que era o padre que havia visitado, faz tempo, com Lupus. 

Suspirou. Se o padre, residente da igreja, estava no hospital, toda aquela situação da qual fugiram não deve ter terminado de uma maneira... agradável. Em sua cabeça, debatia se deveria ou não aproximar-se do rapaz, afinal não sabia da sua relação com o atual mestre. Suspirou, dando de ombros e andando em direção ao mesmo, cumprimentando-o com uma pequena reverência. 
"Com licença, padre. Eu estava nos arredores da igreja enquanto as primeiras... explosões... aconteciam."

Falava em um tom ideal para que o mesmo a ouvisse, mas não chamasse mais atenção de ninguém. Também pensava no por que de sempre estar rodeada por explosões e coisas sendo destruídas. 
"... Enfim, se o senhor está aqui, quer dizer que o ocorrido não acabou de uma maneira... civilizada. Está machucado?"

Ficou um pouco nervosa, lembrando-se de antigamente, quando meio que destruiu uma das "casas de Deus". Então teve uma ideia. 
"Se não estiver muito ocupado ou ferido, eu tenho um... amigo... que precisaria de ajuda. O senhor não teria alguma coisa para ajudar a curar alguém machucado por tudo aquilo, teria?"
avatar
Émilie

Posts : 195
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
189/380  (189/380)
St:
1/1  (1/1)
MC:
300/300  (300/300)

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Padre Clemence on Mon Apr 17, 2017 8:29 pm

Clemence falava com a recepcionista, pedindo o telefone da recepção em si, mas, antes que pudesse avisar a CT da sua presença ali, escutou uma voz que demorou a reconhecer, mas, assim que virou o corpo e viu a dama na sua frente, soergueu as sobrancelhas em surpresa.

- Você... Ainda está por aqui? - Ele elevou a mão direita ao queixo, se abraçando com a esquerda. - A situação da Igreja com certeza ainda não acabou, mas consegui sair antes do necessário, e não, estou bem.

Era possível notar que o homem realmente se encontrava impecável, sem nenhum ferimento no mesmo ou mesmo um arranhão. Mas, ele prestou atenção no que aquela dama dizia e soergueu uma das sobrancelhas ao ouvir sobre o "amigo".

- Bem... Sim, tenho conhecimento extendido sobre... Metódos curativos, mas, quem seria seu amigo? O que aconteceu com ele? Onde ele está?
avatar
Padre Clemence
Igreja
Igreja

Posts : 84
Join date : 2017-01-13

Back to top Go down

Re: Hospital Militar

Post by Émilie on Mon Apr 17, 2017 8:46 pm

Ela sorriu, agradecida pelo mesmo aparentar se lembrar dela. Ergueu os cabelos e os prendeu em um coque, enquanto continuava a conversar. 
"... Também estou surpresa por ainda estar viva."

E riu, logo mais voltando a ter uma feição séria e preocupada no rosto.
"Eu hã... É o Shariz. Ele acabou se ferindo no meio de tudo que aconteceu na igreja, então eu acabei me retirando e correndo com ele para o local de repouso mais próximo. Ele está melhor, e está se curando, de maneira um pouco lenta, mas ainda estou meio preocupada."

Seu rosto agora tinha um sorriso gentil, com seu olhar demonstrava um pouco de dor. 
"Se não for muito incomodo, eu posso lhe mostrar onde ele está."

Com uma das mãos, ficando um pouco de lado, abria caminho, indicando que ele poderia seguir por ali.
avatar
Émilie

Posts : 195
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
189/380  (189/380)
St:
1/1  (1/1)
MC:
300/300  (300/300)

Back to top Go down

Page 4 of 11 Previous  1, 2, 3, 4, 5 ... 9, 10, 11  Next

View previous topic View next topic Back to top

- Similar topics

 
Permissions in this forum:
You cannot reply to topics in this forum