Fate/Steigen - SEASON AVALON
Você foi convocado à Guerra pelo Santo Graal. Prepare-se e lute com todas as suas forças - garanta que seu corpo não fará parte das pilhas de cadáveres que pavimentarão as ruas até os Céus.

Anime-se, jovem! Teu desejo será garantido.

Igreja (Sul).

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte

Ir em baixo

Igreja (Sul).

Mensagem por Administrador em Sab Set 15, 2018 1:02 am

No coração da cidade, a Catedral fica localizada exatamente onde todas a avenidas principais se encontram. Uma construção grande e imponente, é toda desenhada e construída em estilo gótico, com vitrais de cores sóbrias como azul e dourados, e bancos de madeira maciça e escura, um púlpito grandioso com estatuetas e imagens. Sua parte externa é totalmente branca, com várias torres e um jardim de fundos cheio de roseiras brancas e vermelhas.
avatar
Administrador
Ultimate One

Posts : 892
Join date : 20/12/2016

Ficha
Hp:
1/1  (1/1)
St:
1/1  (1/1)
MC:
1/1  (1/1)

http://steigen.forumotion.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igreja (Sul).

Mensagem por Iury "Viole" Skarsgård em Sab Set 15, 2018 1:40 am

“Nossa Senhora das coisas impossiveis que procuramos em vão, vem soleníssima, soleníssima e cheia de uma vontade oculta de soluçar, talvez porque a alma é grande e a vida pequena, todos os gestos não saem do nosso corpo, só alcançamos onde o nosso braço chega, e só vemos até onde chega o nosso olhar"

Não vim rezar, muito menos buscar salvação ou iluminação espiritual, até mesmo considero que minha necessidade de algo do gênero se foi à muito tempo. Isso também não significa uma posição de agnóstico ou total ateísmo, porém, meus interesses - ou seriam objetivos? - neste local não passam de um feitio que desde seu prólogo até o eventual epílogo poderiam ter sido evitados com uma simples consideração mais sincera sobre ‘perder a cabeça’, quando isso na verdade não passava de uma enxaqueca’. Não, pela terceira negação seguida, gostaria de dizer que não espero que entenda o que estou dizendo, eu mesmo prefiro que seja assim. Mas se vale a menção, minhas artérias estão preenchidas de ideias, e minhas veias de ideais. 

Ou talvez seja só um bobby james.

Nesse momento minha atitude mais do que reativa foi cheirar a própria roupa, não que o cheiro me incomodasse pela possibilidade de incomodar alguém, mas sim pela possibilidade de no pior dos casos ser enxotado, mesmo que isso talvez não passe de uma visão arquitetada sobre o maniqueísmo.

E cortando a baboseira, menti em minhas primícias, na verdade eu havia vindo para me confessar, e não sabia exatamente o que esperar do padre, ou bispo, não sabia nada além de seu nome; "Alexander Nortman".

_______________________________________________________
vicissitude.
avatar
Iury "Viole" Skarsgård

Posts : 29
Join date : 14/09/2018

Ficha
Hp:
77/112  (77/112)
St:
10/10  (10/10)
MC:
0/0  (0/0)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igreja (Sul).

Mensagem por Alexander Northman em Sab Set 15, 2018 2:09 am

O sol mal havia subido aos céus, sua coloração escura invadia as altas janelas coloridas daquela igreja, não haveria nenhum tipo de missa naquele local, porém os fieis não paravam de chegar, não se sentavam próximos, talvez por conta de sua própria reza, cada um rezava para um santo diferente, cada um dos diversos santos estavam desenhados nas janelas. Uma figura trajando uma batina da cor preta com detalhes roxos assim como um lenço que carregava em mãos junto ao turíbulo. O homem caminhava pelo altar, tinha a luz ofuscando o corpo inteiro, porém a silhueta permanecia um tanto ofuscada. 
A figura aos poucos se tornava mais próxima da visão dos fieis, ele caminhava de cabeça baixa como um emissário de Deus, um fiel devoto e extremamente fiel ao Pai; A fumaça que aos poucos contagiava todos aqueles quem o homem passava por entre os grossos bancos, porém, a figura parou sua caminhada no momento em que chegou próximo ao garoto que tinha uma vestimenta diferente aos demais presentes, era mais humilde. 

Que Deus esteja convosco, criança. 

A voz rouca do homem era direcionada aquele garoto, o turíbulo a muito já não balançava enquanto o lenço roxo foi erguido até a testa um tanto molhada pelo calor do local, do dia e as vestimentas nem um pouco confortáveis, o homem limpava as marcas negras que tinha em sua testa quase como marcas de uma coroa de espinhos; Quando secou a testa, voltou a segurar a corrente do turíbulo com o lenço para enfim encarar novamente a criança no banco. 

Nunca tinha te visto por aqui, gostaria conversar?
avatar
Alexander Northman

Posts : 48
Join date : 14/09/2018

Ficha
Hp:
200/200  (200/200)
St:
16/16  (16/16)
MC:
300/300  (300/300)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igreja (Sul).

Mensagem por Iury "Viole" Skarsgård em Sab Set 15, 2018 2:36 am

Aquela era uma colocação complicada. 

"Se deseja que Deus esteja comigo, mas mesmo assim nada me impede de sofrer um acidente fatal ou mesmo fazer o mal a alguém nesse momento, isso tiraria sua autoridade como representante de Deus? Eu me pergunto quem seria uma farsa; você, ou ele."

— Obrigado. Bem, da pra dizer que é a minha primeira vez dentro da Catedral. Quantos anos tem esse lugar? — após a resposta, e em meio a pergunta, os olhos de Iury pairavam sobre a arquitetura da igreja, o âmago que se formava no renque e a 'fusão' de toda aquela estrutura era no mínimo grandioso, um aspecto de algo que mesmo repleto de informação, mensagens e significado, se fazia inquestionável à visão fiel, isto é, dos fiéis.

Em um movimento breve, porém bastante visível e talvez chamativo para alguém como o bispo, Iury passou uma das mãos sobre a boca, abaixo do nariz, uma mania que não conseguia evitar em determinadas situações, e que lhe conferia um quadro claro sobre seu arquétipo quando relacionada ao olhar cansado e as olheiras. Novamente, besteira, o que era tudo aquilo perto do evidente cheiro narcótico que o acompanhava? Ele não podia negar.

— Sim, eu gostaria de me confessar, padre.
avatar
Iury "Viole" Skarsgård

Posts : 29
Join date : 14/09/2018

Ficha
Hp:
77/112  (77/112)
St:
10/10  (10/10)
MC:
0/0  (0/0)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igreja (Sul).

Mensagem por Alexander Northman em Sab Set 15, 2018 2:57 am

O bispo fechou ambos os olhos enquanto em seus lábios não tão finos se desenhou um sorriso nostálgico, inalou pelas narinas a pouca fumaça que o turíbulo insistia em exalar, soltou uma quantidade grande de ar por entre os lábios enquanto erguia de forma suave o rosto para enfim abrir os olhos novamente, aquela pergunta parecia ter tocado a alma crente do fiel que encarava os desenhos angelicais no teto da catedral. — Muito tempo. — Sussurrou para si mesmo, talvez não fosse para si, era em um tom quase inaudível para o garoto, porém antes que ele perguntasse "o quê?" ou algo do tipo, o bispo abaixou a cabeça para encara-lo novamente, manteve-se com o sorriso e um olhar de ternura e aconchego. 

Ela está aqui a muito tempo, servindo ao nosso Senhor... E após em um abraço aconchegante o Pai nos levar, ela continuará de pé como testemunha dos bons homens que aqui pisaram. 

O sorriso aos poucos se desfez, mantendo o olhar aconchegante para que o menor não se assustasse, as palavras sobre se confessar eram simples mas sabia que carregava tanta mágoa e ressentimento naquela voz que teve de obrigação erguer a mão com o lenço até a frente do rosto do garoto, foi lento, porém não permitiu que fosse interrompido, fez um sinal da cruz em frente ao rosto do homem e logo após isso movimentou os últimos segundos de fumaça do turíbulo ao redor de sua cabeça. 

Certo, filho. Me acompanhe ao confessionário. 

O cheiro forte não parecia incomodar o bispo, este que deixava nítido com fortes inspiradas pela narina, que estava sentindo aquele odor. O bispo enfim se virou, caminhando em direção a lateral do altar. Antes de entrar no confessionário, deixou o turíbulo próximo ao altar, em uma mesa onde ele deveria ficar, ali ele fez uma breve reza do pai nosso em voz baixa e logo adentrou na cabina a espera do garoto do outro lado.

_______________________________________________________
avatar
Alexander Northman

Posts : 48
Join date : 14/09/2018

Ficha
Hp:
200/200  (200/200)
St:
16/16  (16/16)
MC:
300/300  (300/300)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igreja (Sul).

Mensagem por Iury "Viole" Skarsgård em Sab Set 15, 2018 3:38 am

No fim das contas, o bispo realmente fez o sinal da cruz, não um mero, mas um em frente ao seu rosto, e se alguma palavra definiria aquilo, seria incomodo. Não um tão transparente ao ponto de ficar claro o bastante para que o bispo reparasse, mas mesmo depois de anos, ainda era um ato que lhe aborrecia, talvez até mais do que a fumaça. Acompanhando-o, Iury se fazia simplório, apenas como mais um presente no recinto do Senhor para buscar expiação pelos seus pecados, e pacientemente, aguardou a reza do bispo, e tomou seu lugar do outro lado do confessionário.

— Não sei bem por onde poderia começar, mas o senhor sabe o que é vicissitude? Acredito que seja mais fácil de entender se eu colocar isso como um dilema, não um interno, mas um dilema posto, um efetuado e estabelecido sobre alguma coisa. Eu costumava frequentar a igreja quando mais novo, com a minha mãe, mas fazem anos, e não sou mais uma adepto dos costumes, crenças, ou dogmas cristãos. Mas acho que parte de mim ainda tem, digamos, fé? Talvez, acho que consigo chamar assim. Porém...


Nem mesmo um maconhado concordaria com alguém que diria o que Iury pretendia dizer a seguir, mas ainda assim ele diria;

— Eu tenho fé de que conseguirei traze-la de volta, minha mãe — e em meio a  esse comentário, havia um sorriso no rosto do rapaz.
avatar
Iury "Viole" Skarsgård

Posts : 29
Join date : 14/09/2018

Ficha
Hp:
77/112  (77/112)
St:
10/10  (10/10)
MC:
0/0  (0/0)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igreja (Sul).

Mensagem por Chloe Sinclair em Sab Set 15, 2018 3:43 am

Como eram interessantes como mentes das pessoas, tão claras como um cristal e algumas outras coisas como noites sem luar. E ainda assim, um fascínio e curiosidade para explorar cada vez mais o lado positivo dos tumores, transcorridos e desperdiçados pela sociedade tão preocupada em merecer os pré-requisitos e regras que são mais correntes e prontas para aprisionarem as suas criaturas criaturas; "Como eu gosto de me referir".
Sua dedicação ao trabalho psiquiátrico é muito mais além disso, como agir com cuidado e assumir uma imagem que a diretoria do hospital queria que ela transmitisse, tendo um olhar único para a situação e conversar com Muitas vezes violentos ou retraídos, o que lhe dá um alto status depois de um tempo.
No entanto, há uma pessoa que realmente é uma opinião e que, na opinião dela, possuía uma série de mentes mais misteriosas e brilhantes que a mesma já possuía uma chance de avaliar, mesmo que através de simples conversas ou interações entre elas. Por esse motivo aproveitando um dia de folga do hospital, uma jornada até chegar na igreja onde você se encontrava Alexander se encontrando no momento.
Por fazer um dia de sol e calor, ela usa uma saia social que se ajusta à cintura e à luz branca. com o tecido aparentando ser leve, adequado para o dia quente que faz.
Os saltos das sandálias ecoavam pelo chão conforme ela caminhava e entrava na igreja, com o cabelo a reluzir um pouco com a luz do sol e como as velas existentes no lugar, com o olhar marcado para o vento e astuto, já sabendo que Alexandre Com conversando com alguém não confessando ou talvez realizando alguma tarefa.
Por que motivo apenas sorriu e aproximou-se dos bancos, se sentando confortavelmente e cruzando as pernas, esperando para que o bispo acabasse o que estava fazendo e retornasse para a parte da igreja, onde poderia encontrar-se à sua espera?

_______________________________________________________
avatar
Chloe Sinclair

Posts : 27
Join date : 14/09/2018
Location : Canadá

Ficha
Hp:
255/255  (255/255)
St:
15/15  (15/15)
MC:
270/270  (270/270)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igreja (Sul).

Mensagem por Alexander Northman em Sab Set 15, 2018 3:52 am

Ao se sentar para ouvir as confissões do jovem, o bispo pegou fez novamente um sinal de cruz, porém, fez em frente ao seu corpo enquanto seus olhos se fechavam para ouvir cada palavra daquele garoto com toda a atenção que ele merecia; Palavras complicadas para uma criança perdida no mundo, as complicações apresentadas pelo garoto tinham todas respostas automáticas na mente do bispo que apenas abriu os olhos e levou-os até o canto para encarar o menor de "rabo de olho" ao ouvir sobre ressuscitar um familiar falecido. 
Quer trazer sua mãe de volta? 

Sussurrou como se fosse um segredo, afinal, era, estava ouvindo os lamentos de uma alma calejada e suja, precisava manter segredos naquele aspecto, principalmente na conversa que teria com aquele jovem. Alexander encarou com os olhos dourados a figura por trás da "grade" de madeira junto ao pano fino que permitia que o padre visse apenas o contorno do corpo do rapaz sentado, foi assim então que ele se lembrou de tudo que havia estudado, Babilônia. 
Criança... Por que achas que pode trazer um morto a vida? Apenas Deus, nosso salvador, tem esse poder. 

Queria testar os limites da paciência e racionalidade humana daquele jovem, precisava testá-lo para saber se era digno de entrar nos planos do emissário. Por conta disso que o Bispo começou a recitar.
 Em um certo dia, o profeta Ezequiel foi levado pela mão do Senhor em espírito a um cemitério de ossos sequíssimos. Caminhando Ezequiel no meio de uma multidão de ossos que se quebravam de tão secos, a voz do Senhor soou naquele pavoroso lugar dizendo:


- Filho do homem, seria possível estes ossos tornarem a viver?


Ezequiel disse apenas que só Senhor saberia. Deus então ordenou a Ezequiel para profetizar sobre os ossos secos.


Ouvindo a palavra do Senhor, o profeta Ezequiel proclamou a mensagem de Deus à multidão de ossos do pavoroso cemitério:


- Ossos secos, ouçam a palavra do Senhor! Assim diz o Senhor: porei em vós um espírito e vivereis e sabereis que o Senhor é Deus.


Enquanto o profeta falava, iniciou-se um grande rebuliço entre os ossos secos. Os ossos, incrivelmente, foram juntando-se cada um aos ossos do seu próprio esqueleto e dos ossos começaram a brotar carnes, nervos e peles, mas os corpos formados ainda não tinham alma.
Recitou realmente uma passagem praticamente inteira de um livro da bíblia sagrada, a garganta ficou seca conforme falava e por isso teve que ter uma pausa para molha-lá com um pouco de água que tinha no local, em um copo de plastico recentemente aberto. 
Compreende, criança? — Tomou outro gole antes de coloca-lo novamente onde estava, voltava a falar. — Compreende o que digo? Ainda que os ossos secos criem carne e levantem, não haverá alma. 
avatar
Alexander Northman

Posts : 48
Join date : 14/09/2018

Ficha
Hp:
200/200  (200/200)
St:
16/16  (16/16)
MC:
300/300  (300/300)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igreja (Sul).

Mensagem por Iury "Viole" Skarsgård em Sab Set 15, 2018 12:51 pm

A pergunta feita pelo bispo não era retórica, porém Iury manteve seu silêncio, e ouviu as palavras do homem. Era irônico para o rapaz alguns aspectos das declarações do bispo, "nosso salvador", "trazer um morto de volta a vida", por mais inesperado que fosse, não haviam mistérios naquilo, não para ele, sua convicção, ou mais uma vez, interesses e objetivos eram convictos o bastante para que pudesse chamar de fé, e a passagem recitada do outro lado do confessionário apenas lhe afirmava isso.

— Tudo bem? — indagou ao notar a dificuldade na fala do bispo e ouvi-lo tomar um gole d'água. "Ainda que os ossos secos criem carne e levantem, não haverá alma."

— Sim, compreendo, mas não concordo por completo. O senhor se lembra de Eliseu? Ele já estava morto, apenas ossos secos, sem carne. Porém, quando um certo grupo enterrava um homem, surgiram ladinos, saqueadores, e assustados, eles jogaram este homem na sepultara próxima, sepultura que pertencia a Eliseu. Quando o corpo morto tocou nos ossos de Eliseu, o homem voltou a viver. Então sim, eu compreendo, compreendo que os mortos, alguns deles, possuem muito poder, bispo.

_______________________________________________________
vicissitude.
avatar
Iury "Viole" Skarsgård

Posts : 29
Join date : 14/09/2018

Ficha
Hp:
77/112  (77/112)
St:
10/10  (10/10)
MC:
0/0  (0/0)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igreja (Sul).

Mensagem por Alexander Northman em Sab Set 15, 2018 4:12 pm

Limpou a garganta novamente enquanto ouvia ele se preocupar, antes de responder que estava tudo bem, o garoto voltava a falar, erguia pontos válidos sobre a ressurreição, não era nítido para o garoto o sorriso que se formou nos lábios do bispo, este que apenas acenava positivamente com a cabeça concordando com o que ele falava.

Então conhece a palavra do Senhor?! — Soltou um riso baixo enquanto erguia o lenço até a testa novamente para se secar, deslizou o tecido pelo rosto até enfim o queixo, apoiando a ponta do indicador e do dedão no lenço naquele local, assim quando finalmente teve abertura para conversar, ergueu o lenço até a frente dos lábios, abafando um pouco a voz.

Sua fé é forte? Seu desejo é grande? Pois o Pai precisa da sua fé. A fé do tamanho de um grão de mostarda é capaz de mover montanhas. 

Questionava a fé, talvez os meios que envolveriam aquele ato cujo o garoto parecia desejar tanto, o se ajeitou na cadeira e aproximou o rosto da cortina, mesmo que quisesse, não conseguiria passar para o lado do garoto devido ao cercado de madeira que separavam ambas as cabines, porém com a aproximação tão "grande", o homem sussurrou.

Sua fé tem que dizer o que você daria por ela.

_______________________________________________________
avatar
Alexander Northman

Posts : 48
Join date : 14/09/2018

Ficha
Hp:
200/200  (200/200)
St:
16/16  (16/16)
MC:
300/300  (300/300)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igreja (Sul).

Mensagem por Cherry Von Lohengrimm em Sab Set 15, 2018 6:20 pm

A presença da jovem de cabelos negros era, no mínimo, curiosa. Sequer tinha um religião para frequentar aquele tipo de lugar, nem mesmo o costume de ir a lugares que não a agradavam, mas precisava. Mais cedo havia contatado o seu irmão mais velho e combinaram de se encontrar no lugar, afinal era o mais próximo de qualquer que fosse o seu destino.
Mantinha a expressão sóbria de sempre ao passar pela entrada, sem mostrar interesse por qualquer coisa que estivesse ao seu redor. Acomodou-se na última fileira do que, pela textura e aparência, era um banco de madeira onde as pessoas geralmente sentavam para assistir missas, observando com calma todos os presentes no local.

Espero que ele não demore — murmurrou consigo mesma, cruzando os braços e procurando manter sua atenção em qualquer situação estranha que pudesse se formar.
Sua cabeça estava cheia. Deveres, compromissos e tudo que ela não queria fazer eram o seu foco naquele momento, mas não tinha muita escolha; lambeu os lábios, deixando o corpo relaxar um pouco enquanto permanecia na espera, rindo mentalmente ao notar a situação em que se encontrava. Cherry era geralmente uma garota cheia de certezas e que nunca pensava em deixar nada para depois, ou ao menos era isso que diziam a ela.

Mas, não era culpa dela. Não dessa vez. Coisas desse tipo aconteciam e já havia tomado decisões ainda mais difíceis; vivia tendo que desviar de situações que a comprometessem e fizessem que ela tivesse que pensar muito sobre o que fazer, e aquela até então não parecia uma delas, então procurou relaxar.
avatar
Cherry Von Lohengrimm

Posts : 25
Join date : 14/09/2018

Ficha
Hp:
189/189  (189/189)
St:
12/12  (12/12)
MC:
270/270  (270/270)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igreja (Sul).

Mensagem por Chloe Sinclair em Dom Set 16, 2018 3:08 am

*Bocejava enquanto tamborilava os dedos em cima da perna direita, se sentindo um tanto entediada no momento, as vezes lançando olhares curiosos em volta para ver se algo havia mudado ou se Alexander já havia terminado o que quer que estivesse fazendo.
Foi em uma dessas rápidas checagens que ela percebia uma garota entrando na igreja, o que parecia renovar sua animação, chegando até mesmo a sorrir de canto com ideias se formando em sua mente afiada e rápida.
Se espreguiçando e se levantando de onde estava, caminhava tranquilamente até a recém-chegada, com a expressão se tornando amigável e os olhos acolhedores, parando perto da garota e estendendo a mão educadamente, com um sorriso amável nos lábios.*

- Olá, sou a Chloe.. é um prazer. Está procurando alguém?

_______________________________________________________
avatar
Chloe Sinclair

Posts : 27
Join date : 14/09/2018
Location : Canadá

Ficha
Hp:
255/255  (255/255)
St:
15/15  (15/15)
MC:
270/270  (270/270)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Igreja (Sul).

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum