Floresta

Page 17 of 19 Previous  1 ... 10 ... 16, 17, 18, 19  Next

View previous topic View next topic Go down

Floresta

Post by Ryou Hayashi on Tue Jan 03, 2017 1:46 pm

First topic message reminder :

Essa floresta fica depois da área comercial, e após passar por essa que se sai completamente de Camlann River. Se trata de uma área relativamente bem conservada, e demonstra o terreno acidentado que não é presente no restante da cidade. Existe um caminho de terra que leva até a estação de Tratamento de Água, todavia é proibida a entrada de desconhecidos.

Não existe muito o que saber sobre a floresta; mesmo os habitantes apreciam caminhar pela floresta por seu ar calmo, todavia existem certos boatos de fantasmas que perambulam no local durante a noite e a madrugada, por isso geralmente as pessoas evitam o local nesse horário.


-> Principal
-> Estação de Tratamento de Água
avatar
Ryou Hayashi

Posts : 924
Join date : 2017-01-02

Ficha
Hp:
0/0  (0/0)
St:
0/0  (0/0)
MC:
0/0  (0/0)

Back to top Go down


Re: Floresta

Post by Houko Choi on Sun Mar 26, 2017 2:17 am

*Aquela besta de garras quase que adamantinas rasgava e quebrava o corpo de seu inimigo sem se importar com o resultado já que apenas queria destruí-lo para assim se livrar de todas suas frustrações, porém, parecia que a cada golpe suas lembranças iam ganhando mais intensidade, mais tempo, ele então surtava de ira, de ódio, seu ápice então aconteceu quando a pata acertou o crânio e o explodiu fazendo o sangue negro jorrar na face do lupino que então curvava seu torso para trás e gritava embora seu grito acabasse saindo como um altíssimo rugido, o uivar do lobo negro no ápice de suas emoções negativas*

-AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!!!
*O uivo em frenesi seguiu e com ele a realidade alternativa começava a ser alterada, era como se o ecoo daquele selvagem se espalhasse desintegrando as arvores e explodindo os soldados que agora se resumiam a um monte de carne e sangue enquanto o céu ia perdendo mais sua cor começando a escurecer conforme o som do uivar ia diminuindo exponencialmente. De dentro daquele cadáver outro monstro ainda pior começava a surgir e esse se expunha frente a Houko o superando em tamanho e em aspecto profano, realmente ele era mais demoníaco que aquele que ainda possuía um grão de humanidade e razão consigo, algo quase totalmente perdido*
 
-Rwr... –O ofegar do lupino escapava de suas três boca, sim, ele tinha três cabeças, mais precisamente mais duas extras em seus ombros ao qual também pareciam realmente ter vida. Com o ofego a fumaça escapava das bocas junto uma espécie de rosnar demoníaco que anunciava de que realmente aquele ali não era mais um mero humano, ao menos não exteriormente.
 
-Para de falar merda! Não me subestime... –Limpou o sangue negro do rosto facilmente a seguir um mero dobrar seguido do esticar dos joelhos fez com que o profano simplesmente saltasse surgindo frente os olhos de seu inimigo.
 
-BASTARDO! –Acertou então um poderoso soco no centro da face de Mordred ao qual iria partir seu crânio gerando a quebra do osso junto ao dispersar de mais de seu sangue negro, ou ao menos, era essa a intenção que não aconteceu.
 
-Oque?! –Houko ficou parado no ar com seu punho serrado contra a testa de Mordred que mal parecia esboçar reação com aquilo, feito que fez o atual profano serrar seus olhos brilhantes e esmeraldas. Recuou o punho, encolheu o corpo e acertou o pé no rosto do inimigo para receber impulso para trás e no ar desviar de possíveis ataques que viriam contra si e ao cair no chão ele dava alguns saltos para trás seguidos de alguns passos.
 
-O que diabos foi aquilo? –Começou a pensar em conjunto com seus outros “eus” analisando a situação como um todo e começando a tirar suas próprias conclusões sobre com base em suas memorias no que havia pesquisados séculos atrás, sim, séculos, tempos onde buscava saber de qualquer coisa relacionada ao pós-vida, o como trazer alguém de volta e mante-lo nesse mundo o maior tempo possível, isso se não eternamente. Em sua jornada pela ressureição e imortalidade plena e dita como verdadeira, Houko acabou inicialmente cogitando formas divinas, coisas não ortodoxas que iam além de seu saber e senso comum, mas devido seu ateísmo preferiu ignorar coisas como o dito Graal e diversos outros recursos e se focou na Doutrina de Uriel, doutrina que muitos chamam de A Grande Obra ou simplesmente Alquimia embora com o passar dos tempos a Grande Obra tenha se tornando a base, a missão principal dos Alquimistas e não alquimia propriamente dita.
 
-Essa resistência, esse poder, forma, Nameless Dragon, O branco. –Aquilo remetia a estudos antigos onde o cientista buscava respostas e com ela pesquisou sobre diversos mitos e lendas, logo, sua busca por saber sobre Arthur e seus feitos e do por que ele era invencível e por muito tempo até descrito como imortal acabaram que fazendo com que Houko entendesse que naquele momento Mordred não era mais humano e sim a personificação daquilo que Merlim sonhou um dia, a dita profecia épica que narra o combate entre dois dragões, o vermelho e o branco, o furioso e o cauteloso, Ddraig e o Sem nome, o rei rubro e o traidor alvo. Nada podia atravessar aquela armadura, nem mesmo a dita Excalibur devido as bênçãos de Morgan que buscava auxiliar seu filho em seu conflito final em Camlann.
 
-Ele agora deve estar usando o auxilio de Morgana [Morgan] para se manter invencível a danos “comuns”, foi assim que ele teve vantagem contra Arthur, porém... –Serrou o punho, a voz estava realmente mais carregada, imponente e forte que o normal, parecia até mesmo ser algo divino por mais profano que fosse.
 
-Ainda existe um jeito, aquele couro que talvez represente a armadura que ele usou em vida pode ser destruído, basta que a bruxaria seja devidamente dissipada com algo definitivamente sagrado, algo realmente poderoso, quase senão totalmente divino. –A voz carregava uma calma absurdamente estranha, era como se Houko tivesse voltado a sua sanidade plena quando na verdade ele estava apenas fazendo o que sempre fez em sua vida após certa etapa dela, no caso, converter toda sua ira e raiva em rancor, um ódio silencioso que consome por dentro e se camufla por fora. O cientista começava a mover devagar suas mãos e conforme elas se erguiam diversos efeitos elétricos esmeralda surgiam aleatoriamente, porém em direção as mãos dele que se estendiam para os lados acompanhando os braços esticados.


-Shariz, você não é uma pessoa que mata e sim uma pessoa que salva então permita-me fazer isso, dar o devido fim a esse bastardo. –Houko sabia que não conseguiria formar uma arma sagrada enquanto tomado pelo rancor, sabia que precisava de emoções melhores para se canalizar melhor e ter o que era preciso para liberar aquele poder latente e adormecido, e conforme pensava nisso e se focava em sua magia ele acabava mergulhando em seu passado dentro da mente se lembrando dos bons momentos que teve como quando cuidou de Brancon e Beatrice quando eram menores, de como reviu os dois depois de tanto tempo e o quanto haviam crescido fortes e bonitos, uma pena terem seguidos caminhos diferentes do que ele havia idealizado, uma pena não ter dito a mesma chance com Lupus e os outros, mais ainda assim havia colecionado alguns bons momentos tanto agora quanto antes, antes quando Melissa e os demais ainda eram vivos. Os olhos verdes junto aos traços em mesma cor apagavam e a armadura acabava se tornando totalmente negra como se a vida nela tivesse se perdido e não bastando isso ela começava a “enevoar” em preto e vagarosamente o cabelo ia perdendo aquele volume e ia ficando mais claro e mais liso.
 
-Nerus, vou precisar de sua ajuda para isso, preciso que me transfira o que puder de sua mana. –Os raios em jade começavam a tomar aspecto dourado conforme iam se distorcendo e aumentando sua intensidade e quantidade, realmente pareciam estar escapando do chão e indo para as mãos do mago que permanecia apagado embora seu corpo começasse a ficar literalmente branco e os traços demoníacos de sua armadura iam sumindo embora ainda restasse um tanto de preto.
 
-A espada ai de brilhar expondo o sonho de todos os guerreiros no combate, seja no passado, presente e futuro, ela irá brilhar a todos aqueles que se lamentaram quando os seus momentos finais chegaram. Ela carregará seus espiritos como seu orgulho, os guardando para perseverar sua lealdade e agora, o rei invicto escolherá seu melhor cavaleiro para cantar alto o nome do milagre que vai segurar em suas mãos... –Conforme ia falando o cenário ia sendo tomado por diversas esferas de luz que subiam do chão e seguiam para os céus, pouco a pouco as mãos se moviam frente ao peito e uma barra dourada de energia irregular ia se formando ali e ia ganhando forma cada vez mais bela, cada vez mais real.
 
-Saber-chan... –O som da construção mística ecoava e espalhava seu brilho ligeiramente ofuscante que deu a forma final aquela energia que agora se tratava de uma belíssima espada rica em detalhes, ela que era segurada pelo homem com duas mãos mantendo a lamina frente ao rosto para na sequencia se virar ficando de lado para a loira. Movia a espada a girando e a segurava agora em “repouso” a oferecendo para a serva, mais precisamente deixava a espada deitada mantendo a mão direita abaixo da lamina e a esquerda abaixo da empunhadura.
 
-Com seu timbre estonteante, cante a canção de seu verdadeiro rei e faça com que seu brilho divino cesse de uma vez por todas, ressoe, vibre, ao menos por esse tempo você será a maior de minhas cavaleiras, aceite meu presente, aceite minha benção. –Após ela pegar a espada ele completaria a fala após levar a mão ao rosto dela repousando ali com certa gentileza.
 
-Aceite ser completamente minha ao menos dessa vez. –Desceu a mão e voltou a atenção para Shariz, devido o elmo da armadura era impossível ver os olhos de Houko, mas ao menos seu tom de voz denunciava suas atuais boas intenções com aquilo.
 
-Ela vai precisar de sua transferência também, ajude-a no que puder garoto, talvez essa seja nossa ultima chance. –Virou-se de costas para a dupla e voltou a por as mãos frente o peito como se estivesse segurando algo e com isso todas aquelas partículas de luz até então manifestadas seguiam até ali como se estivessem sendo atraídas por algo exageradamente poderoso.


-A quem diga que um rei absoluto é aquele que vive acima de seu povo, a quem diga que um rei nobre vive abaixo de seu povo... A quem diga que um rei perfeito luta junto a seu povo, porém, para se lutar é preciso ter uma arma, uma arma a altura daquele que a empunha. –As esferas luminosas iam formando um item grandioso que exalava poder, era algo tão divino que chegava a silenciar as mentes caóticas, apenas silenciava por momentos, não as curava.
 
-Vlad, eu estou muito orgulhosa de você, eu... Eu amo você.  –A lembrança trazia a tona a imagem de uma mulher loira que sorria gentilmente para o rapaz que acabava a respondendo em tom de pranto.
 
-Obri-brigado... Eu, eu também te amo, Melissa... –Após aquela breve memoria o equipamento definitivo já estava pronto e se tratava de uma lança, mas não uma lança qualquer, seria aquela, a dita como o pilar do mundo, aquela muitas vezes comparada a semelhante que tomou a vida do filho de Deus na cruz e agora estava ali reproduzida nas mãos de outro mortal, ela é...
 

-Rhongomyniad! –Ergueu do tesouro projetado por si mesmo com base em suas pesquisas aguçadas sobre o mito daquele que falhou em obter o dito cálice sagrado. Ao ter a lança sobre si ele a girou e a segurou apenas com sua melhor mão e com isso a parte perfurante da arma começava a girar e manifestar uma espiral de energia dourada e sagrada que ia aumentando a intensidade.
avatar
Houko Choi
Gwyn-llys
Gwyn-llys

Posts : 504
Join date : 2017-01-07

Ficha
Hp:
160/160  (160/160)
St:
0/0  (0/0)
MC:
1820/1820  (1820/1820)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Origin's Word Creator on Sun Mar 26, 2017 3:35 am

Com aquela sequencia quase que destrutiva de Houko, era quase que certeza de que desta vez não só Mordred havia sido derrotado como também aquele Reality Marble finalmente se encerraria . . . Ou era o que acreditava por algum instante em sua mente. Para a verdadeira surpresa de todos que estavam presentes por ali, não só Mordred havia retornado como o seu tamanho e poder havia sido aumentado drasticamente . . . A unica questão que passava pela cabeça do Árabe naquele momento era apenas uma: Será que, no fim das contas, o esforço de todos era em vão ? Mas ele não poderia desistir ainda pois se Mordred vencesse saberia que Camlann não conseguiria impedir suas forças e muito menos todo aquele poder destrutivo.



. . . Esse brilho dourado . . . 




Reconheceu quase que instantaneamente o brilho daquela arma mistica e por um momento começou a se recordar de onde havia ouvido sobre aquela espada - Seria a famosa espada lendária da qual foi empunhada pelo cavaleiro mais respeitável e poderoso ao longo das eras, Excalibur ? Shariz não estava conseguindo crer de que Houko foi capaz de forjar uma arma daquele nível e até mesmo ficou paralisado por alguns instantes totalmente surpreso com aquilo: Afinal de contas, mesmo sendo uma cópia . . . Ainda era uma arma extremamente poderosa. Quanto ao problema de mana, a solução foi mais que simples para Shariz: Tudo o que fez naquele momento foi utilizar a pedra que havia ganha do rapaz misterioso a algumas horas atrás e transferia toda a energia daquela pedra para Houko, que restaurou uma parcela considerável de sua mana ( 70%MC ).

Certo . . . Irei fazer o meu melhor . . . ! - Nisso ele acabou indo ao lado de sua serva: Praticamente, entrelaçava o seu braço com o dela para que conseguisse empunhar aquela arma sagrada junto a ela e para a sua surpresa o brilho passava a intensificar ainda mais ao ponto de fazer ele ter lembranças . . . Algo muito próximo de um mundo do qual nunca conheceu ou esteve antes. - . . . Saber, concentre toda a sua mana nesta arma . . . Se as condições for iguais as da lenda, precisaremos liberar os selos para liberar aos poucos todo o seu poder . . . !



- Bedivere - Aquele que você está enfrentando é um oponente muito superior a todos ! - Nisso que liberou o primeiro selo da Bainha da espada mistica, o brilho passou a se intensificar ainda mais.

- Lancelot - Certamente meu oponente não é um elemental ou algo do genero ! - Novamente, o brilho passava a se intensificar cada vez mais ao ponto de quase ''cegar'' aqueles que tentavam encarar diretamente aquela luz dourada.

- Mordred - Meu oponente, por mais que seja um dos mais formidáveis guerreiros da Távola Redonda, é o Mal neste momento e devo destruí-lo ! - Conforme toda a sua mana ia para o objeto, todo aquele poder concentrado parecia algo extremamente insano de controlar: Provavelmente se não estivesse com sua serva naquele momento seu corpo acabaria sendo destroçado por todo aquela pressão.

- Galahad - Meu único interesse é proteger Camlann . . . Não, o mundo inteiro ! E farei o que for preciso para cumprir isto ! - Desta vez não era mais possível visualizar a bainha e novamente toda aquela pressão da espada aumentava cada vez mais . . .

- Hendor - Aquele que pacientemente esperou pelo momento para reprimir seu ódio . . . Eu irei cumprir a sua missão o destruindo com essa espada sagrada ! E finalmente . . . ! - Antes de concluir, a bainha praticamente desparecia e finalmente revelava a verdadeira aparência da espada aonde mantinha aquele brilho intenso e dourado com uma quantidade de mana quase que absurda de se suportar: Algo realmente digno a uma arma sagrada

- Arthur - . . . Eu dedico a esse grandioso rei todo o meu respeito . . . Por estar sempre lutando para salvar o mundo ! - Com o ritual finalmente completado, Shariz apenas aguardava o disparo de Houko com a lança sagrada para que pudesse o acompanhar logo em seguida . . . Nisso ele olhou para a jovem e a instruiu novamente.- Por favor . . . Não solte esta arma ou perderemos nossa chance . . . Dispare junto de mim, assim que Houko atacar com a lança sagrada  . . . !

avatar
Origin's Word Creator

Posts : 562
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
140/140  (140/140)
St:
0/0  (0/0)
MC:
0/280  (0/280)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Perdhro on Mon Mar 27, 2017 4:15 pm

Mesmo em seu estado demoníaco, a figura aterradora reconheceu a morte quando viu os guerreiros empunhando aquelas duas armas. Apenas seu poder já era o suficiente para fazer com que o monstro recuasse, mas ele resistia e saberia que jamais poderia ser derrotado em sua própria realidade. Os portadores daqueles instrumentos, por mais poderosos que fossem, ainda eram feitos de carne e podiam ser mortos.

- Metal não irá me parar. Muito menos lendas e histórias! - Brandiu, enquanto erguia suas lâminas e preparava-se para golpear o solo e fazer ruir tudo aquilo ao seu redor.

Foi no intervalo entre o movimento e o impacto que Reaver alcançou a besta. Astucioso, o servo foi capaz de bloquear os braços do oponente com seu engenhoso golpe, e com isso impediu que a habilidade fosse executada. O monstro havia sido detido, mas sua vontade continuava surtindo efeito naquele lugar.

Todos ali puderam sentir o local sendo consumido por um calor excessivo. Quando notaram, lava incandescente já rodeava o campo de batalha e o reduzia cada vez mais, ao mesmo ritmo que o corpo dos lutadores sofria com queimaduras intensas. Diante daquela situação, até mesmo a respiração parecia difícil.

Spoiler:

Todos perdem automaticamente a metade de suas vidas. No próximo tudno serão consumidos pela Reality Marble.
avatar
Perdhro

Posts : 48
Join date : 2017-01-25

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Nerus on Mon Mar 27, 2017 9:41 pm

Nerus simplesmente ignorara as ordens de Houko, utilizando a mesma magia que havia utilizado anteriormente, causando dano em área e derrubado todos os inimigos no campo. 
 Observara a lança no chão e trocara olhares brevemente com algumas das pessoas do campo de batalha, como que entendendo a ideia, aproveitando o momento de distração graças à habilidade para correr até a lança que havia sido derrubada pela criatura, utilizando de suas habilidades de furto para pegar a lança, ocultando-se o máximo possível. Todavia, mesmo que fosse notado, ainda haviam outras pessoas focando em deter o monstro.
Motus:
 Dano perfurante: 2D30 + 8 + 30 em todos inimigos, construções e constructos no tópico. É inbloqueável. Causa o status negativo Down
Controle de Fluxo: Boost:
Dá +5 de bonus em uma rolagem de ataque x6 (acerto ou dano).
avatar
Nerus

Posts : 201
Join date : 2017-01-03
Age : 18

Ficha
Hp:
226/250  (226/250)
St:
7/8  (7/8)
MC:
100/350  (100/350)

https://6cappu6ccino6.wordpress.com/

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Administrador on Mon Mar 27, 2017 9:41 pm

The member 'Nerus' has done the following action : Lançar dados


'30' : 6, 10
avatar
Administrador
Ultimate One

Posts : 854
Join date : 2016-12-20

Ficha
Hp:
1/1  (1/1)
St:
1/1  (1/1)
MC:
1/1  (1/1)

http://steigen.forumotion.com

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Émilie on Tue Mar 28, 2017 8:50 pm

Dentre todos seus dias, a loira nunca havia sentido tal ira igual a que sentia agora. Parecia que alguém havia aberto o pequeno pote, escondido, ao qual guardava todas suas mágoas, e liberado-as todas de uma vez. Seus olhos brilhavam cada vez mais, quase como se estivessem pegando fogo. Apenas voltou para essa realidade, quando fora chamada por Houko, guardando a própria lâmina e em seguida apunhando a espada que ele recém havia criado. O entrelaçar do braço junto com o do novo mestre, de alguma forma, lhe acalmava, e seu sorriso de sempre voltava ao rosto. 
O prazer é todo meu, meninos. —

Ria, respondendo ambos, enquanto sentia o poder da espada crescer cada vez mais. Fechava os olhos, enquanto concentrava toda sua energia e mana em torno da arma que empunhava. Respirou fundo, sugando toda a quantidade de ar que conseguia, e, enquanto o mestre liberava os selos, Émilie começava a cantar, dando a impressão que fazia uma segunda-voz para aquilo que Shariz falava, apenas com vogais, aumentando cada vez mais as notas. 
Abriu os olhos, encarando quem ficou um pouco para trás, e, em seguida, Nerus. Interrompeu a cantoria por alguns segundos.
Acredito que a lança só funcionará se tiverem mais pessoas! 

Gritou, voltando a cantar logo em seguida, no mesmo tom de antes. Agora parecia que estava quase chegando ao ápice de sua voz, sentindo como se suas próprias cordas vocais fossem explodir, e o ar tornava-se cada vez mais denso e difícil de respirar, fazendo-a perder um pouco de ritmo. Entretanto, sua concentração não fora abalada, apenas focando em passar tudo que podia para a arma, que, além de brilhar cada vez mais, agora era cercada por pequenas bolas de fogo, que a rodeavam, sem queimar a serva e o mestre.
Excalibur agora tem os efeitos do charge 2/2, além de chance para burn.
avatar
Émilie

Posts : 195
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
189/380  (189/380)
St:
1/1  (1/1)
MC:
300/300  (300/300)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Zyan Wakaizumi on Tue Mar 28, 2017 9:07 pm

A raiva finalmente havia se acumulado ao cumúlo do ponto final, sua ferocidade era elevada as alturas ao ponto de seus circuitos mágicos começarem a queimar e aparecerem sobre sua pele. Possuiam uma certa cor roxa, representando o vazio e escuridão dentro daquele ser artificial, naquele momento a sua aparência começava a mudar para uma nova transformação.





- Tripulação de caçadores, Phoenix Vansheil Wythuff, o melhor caçador do exército do Baldhur.


O verdadeiro caçador dentro de si era despertado depois de séculos. diversas chamas negras estavam a pairar sobre o seu corpo quanto em volta do próprio. Sua própria expressão facial tampada pelo visual era neutra, seus olhos representavam uma calma tremenda mesmo estando naquele tipo de situação, começou a caminhar lentamente até Shariz.




- Eu sei quem matou o seu clã, o responsável por ter dizimado cada pessoa presente na sua vida está na cidade. Libere-se a si mesmo para que desperte o ódio contra essa besta, depois iremos conversar, eu tenho informações sobre esse responsável  e posso te dizer que ele teve prazer em fazer aquela barbaridade. É conhecido como ''One-Eye'', aquele que sente prazer no genocídio.



Depois disso, ficou bem distante daquela besta em fúria, apontando apenas a espada de Baldhur para aquele ser, cujo ela começava a brilhar com uma luz preta.


- O vazio de Brandon, o caçador da besta que um dia se tornou o seu aliado, esse sou eu. Donzela de Gevaudan, eu convoco você para me ajudar, és a única que conseguiu parar a fúria de meu chefe que é uma besta, então eu necessito de seu poder sobre mim para que eu possa parar uma besta da mesma forma em que você parou.


Um certo encanto aparecia na espada do mesmo, uma luz mais escura do que antiga, a espada ganhava uma certa escrita em uma certa língua , tendo o significado de '' Damnatio Memoriae''.


- A coisa que ele sempre temeu, heh, você é esperta.


Então garoto apontava sua espada para o inimigo, toda aquela energia se focava na ponta de sua espada, acumulando todo aquele poder que o rapaz tinha feito, o brilho era tão intenso que poderia cegar aqueles que estivessem ao seu lado, que por sorte não havia ninguém perto de si por causa que ele se distanciou.
g

- Mortos não podem voltar a vida, apenas como aberrações, volte a descansar no inferno, Mordred.



Toda aquela energia era disparada contra Mordred, um enorme descarregamento de luz vermelha que estava pronta para dizimar totalmente aquele inimigo,  o ataque foi disparado com tanta calma e convicção que nem parecia que o golpe era muito poderoso.





- Esse é o poder do melhor caçador a gevaudan, não voltará a vida nunca mais, a esperança volta a planar sobre a terra.


Enfim o golpe chegava até Mordred, o grande raio passava por todo o seu corpo com objetivo de o dizimar, não sobrar nada do seu corpo e nem mesmo de sua alma penada, destruindo tudo que tocava em sua frente. Brandon iria direto correndo a aquela lança após o seu grande ataque, em seguida a tocou dizendo algumas palavras sagradas, tentando aguentar todo aquele calor que estava quase destroçando o seu corpo.

-
''Convoco o teu grande poder para nos ajudar, confiamos nosso votos a você, grande relíquia capaz de aniquilar aquele que está corrompido pelo ódio''.

5D50 + 12 -Dano em Mordred-
D20 + 12 Para o Acertar
3/4
4/4 ao interagir com a lança.




Last edited by ??? on Tue Mar 28, 2017 9:09 pm; edited 1 time in total
avatar
Zyan Wakaizumi
Leode
Leode

Posts : 527
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
160/160  (160/160)
St:
100/100  (100/100)
MC:
1120/1120  (1120/1120)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Administrador on Tue Mar 28, 2017 9:07 pm

The member '???' has done the following action : Lançar dados


#1 '50' : 7, 27, 48, 18, 4

--------------------------------

#2 '20' : 7
avatar
Administrador
Ultimate One

Posts : 854
Join date : 2016-12-20

Ficha
Hp:
1/1  (1/1)
St:
1/1  (1/1)
MC:
1/1  (1/1)

http://steigen.forumotion.com

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Edgar Poem on Tue Mar 28, 2017 11:08 pm

Todos trabalhavam para derrotar Mordred, isso inspirava em Reaver ainda mais vontade em lutar, uma chama acendia em seu peito com uma memória: As palavras finais do primeiro guerreiro a cair nessa guerra, um verdadeiro guerreiro. Tal chama iluminava Reaver com esperança.

--Está na hora de eu mostra a você o poder de um verdadeiro guerreiro. - ele colocava a mão em seu peito relembrando o soco, composto não apenas da força de Rider, mas também de seu desejo de levar seu mestre a vitória, de encarar uma verdadeira luta, de mostrar seu valor e alcançar a vitória.

Então notava Nerus e Brand com a lança derrubada de Mordred, aquilo seria demais para os dois magi, não havia como eles portarem tal arma. Decidido Reaver corre até eles segurando a arma.

--Senhores, estão prontos para testemunharem a força de uma verdadeira lenda?- segurava a lança com suas duas mãos e com auxilio dos dois que o acompanhavam, ele tremia ao empunhar tamanha arma, uma verdadeira relíquia, um verdadeiro Fantasma nobre.



--A lança sagrada! Rhongomyniad, a lança que brilha até os confins da terra! - A lança começava a girar, dos céus um pilar de luz envolvia os três que a seguravam, iluminados por uma luz divina! Tal luz que abençoava os três portadores limpando suas mentes e os mantendo focados em seu objetivo. A lança começava a girar absorvendo a luz da realidade de mordred, se envolvendo em um véu de luz. Conforme ascendiam aos céus além das nuvens a aparência de Reaver começavam a mudar, seu sobretudo habitual se tornava branco junto com as outras peças de suas roupas, ganhavam detalhes em dourado, seu cabelo se tornava loiro, seus olhos mudavam para um verde ciano, seu corpo era envolvido por uma armadura de luz, aparentava ser um existência divina, um verdadeiro guerreiro, um verdadeiro herói merecedor do Graal.

--Libere a luz dos confins da Terra. Ela deve separar os céus e conectar as terras, Brilhe! Ancora das tempestades.- Quase toda a luz da Realidade de Mordred era absorvida pela lança tornando a mesma na noite mais escura. A luz girava como um turbilhão em volta da mesma, ela era preenchida não somente por luz, mas por sonhos e esperanças, ela seria a arma que protegeria todos fora daquela Realidade. Reaver olhava para Mordred com um ar superior e ao mesmo tempo com um ar de tristeza, era quase como se Arthur tivesse incorporado no mesmo.



--Quando estiverem prontos a lança irá em direção ao coração de Mordred, entenderam? Pronto! - A voz de Reaver parecia um pouco diferente, ele soava mais como um membro da realeza, um Rei! A lança girava esperando o sinal dos outros dois, seu poder tremendo era cada vez mais difícil de ser mantido sobre controle, era insano pensar que alguém era capaz de manuseá-la por um combate inteiro. -Esse é o fim filho... Me desculpe. - Reaver sussurrava, mesmo estando perto dele Nerus e Brand não o escutariam. Eles ficavam flutuando por um tempo esperando os ataques da Rhongomyniad e Excalibur falsas, e assim que disparadas eles descendiam dos céus como um tornado de luz. Ao atingir Mordred toda a luz absorvida pela lança era liberada em um clarão que cegava a todos na Realidade de Mordred enquanto o mesmo era incinerado pela luz divina que formava um pilar que se formava até onde os olhos alcançavam e logo se esvaia deixando para trás apenas uma cratera


Last edited by Reaver on Wed Mar 29, 2017 1:27 am; edited 1 time in total
avatar
Edgar Poem

Posts : 248
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
110/110  (110/110)
St:
0/0  (0/0)
MC:
10/420  (10/420)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Houko Choi on Wed Mar 29, 2017 12:29 am

*Segurando aquela lança que parecia se tornar cada vez mais pesada devido o excesso de poder contido nela, o homem investia mais firmeza em seu palmo para mante-la segura consigo enquanto esta ia brilhando e começando a manifestar certas rachaduras bem pequenas, é como se a projeção não fosse tão resistente quanto a original e por isso começava a ceder aos poucos*

-Tsc. –Teria que usar mais de sua mana para poder disparar um golpe preciso devido a falta do ouvi-lo de Nerus que o fazia sentir cada circuito ser forçado e “eletrocutado” por dentro os fazendo agir com maior intensidade e poder o causando certa dor.
 
-Aaaaaaah.... –A voz ecoava e seguia junto ao brilho dourado daquele equipamento quase divino que parecia uma estrela brilhando em meio ao céu escuro sem luar, ela parecia rasgar e dissipar as trevas seguindo com a melodia da espadachim.
 
-Como eu imaginei, é algo magnifico, Saber-chan. –Tossiu deixando sangue escapar da boca ao qual ficou contido dentro daquele elmo e conforme a musica solitário de Saber escapava os pés iam perdendo sustento devido o solo que se rompia dando espaço ao calor junto da lava que embora brilhasse sua luz era ofuscada por aquela estrela que o homem segurava na palma da mão.
 
-Marcou bem o alvo Reaver... SHARIZ, REAVER, SABER-CHAN! É CHEGADO O MOMENTO! –O excesso de poder subia como um pilar de luz que rompia parte da armadura de Houko expondo seu olho direito tomado pelo verde de centro dourado que sinalizava o poder extraordinário daquele item que começava a ser ajustado para trás para logo ser lançado.
 
 -Mordred, por tudo... Todos... –Alguns leves efeitos de raios negros saiam da arma sagrada sinalizando sua sutil corrupção vinda da raiva de Houko que apertou seu punho o fazendo sangrar para focar no alvo devidamente, não podia deixar a ira o faze-lo vacilar e perder aquele tiro único já marcado pelo servo de seu guarda-costas.
 
-Lupus, Beatrice, meus filhos, e... –Se lembrou por fim de cada rosto, de seu sobrinho favorito, filhos criados, adotados e de uma loira em particular que vestia roupas de outras épocas e que sorria para si e nesse momento o braço alavancava para frente.
 

-RASGUE OS CÉUS E PULVERIZE AS ESTRELAS! RHONGOMYNIAD! –O disparo em ouro foi veloz o bastante para alcançar o feixe carmesim disparado pelo seguidor de Brandon o fazendo se distorcer no espaço formando uma espiral que ficou em torno do rastro dourado que como um relâmpago rasgou o ar e castigou o solo abrindo a fenda profunda que jorrava lava  em ondas para os lados e logo ofuscava toda a visão após supostamente perfurar a dimensão, e assim preencher os olhos com tamanho clarão que seria impossível de se absorver e agora o golpe seguiu provavelmente ceifando a vida daquela besta fantasma com auxilio dos demais que também usariam de seus recursos.
avatar
Houko Choi
Gwyn-llys
Gwyn-llys

Posts : 504
Join date : 2017-01-07

Ficha
Hp:
160/160  (160/160)
St:
0/0  (0/0)
MC:
1820/1820  (1820/1820)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Origin's Word Creator on Wed Mar 29, 2017 1:00 am

Era incrível ouvir tamanha harmonia de sua serva naquele momento conforme liberava selo por selo daquela arma divina: Sentia-se muito confiante, parecia que finalmente poderia cumprir alguma promessa importante como a de proteger a cidade aonde pode se reencontrar . . . Por um único momento parte de sua concentração se foi, certas palavras ficou presa em sua cabeça que o fez se desequilibrar um pouco emocionalmente: Era aquele mesmo cara de antes, tinha certeza disto . . . Mas o que ele havia acabado de dizer . . . ?


. . .  ''One-Eye'' . . . Seu . . . Seu . . . Tsc . . .


DESGRAÇADOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO !




Foi a unica coisa que falou antes de disparar com toda a força que havia acumulado naquela arma magnifica contra Mordred: De certa forma, por ser uma cópia provavelmente não possuía a condição de uma pessoa de coração puro a portar pois . . . Tudo o que sentia naquele momento era uma raiva e fúria que ficava se acumulando cada vez mais pois afinal de contas e até mesmo acabava aplicando ainda mais mana do que deveria pois no fim tudo o que queria era literalmente dizimar a existência de Mordred dali. Lagrimas escorriam em seu rosto pois por um breve momento, todas as lembranças ''daquele dia'' voltaram de uma só vez e começou o atormentar a cada vez mais . . . E graças ao efeito da influencia da Fúria de Mordred, Shariz era incapaz naquele momento de poder controlar adequadamente a maré de sentimentos negativos que sentia de uma vez só. A cada morte de seu amado e querido povo que se lembrava, era o suficiente para desgastar ainda mais o seu corpo ao ponto de entrar em curto circuito de tanta mana que acumulava naquele ataque: Certamente, todas as suas forças estavam depositadas em um ato de fúria e esperança, quase que em um ódio irracional e bestial.

. . . Lucca . . . Me perdoe . . . Mas eu . . . 
Não posso seguir em frente no fim das contas.




O aconteceu dali em diante . . . Somente o destino poderá dizer o que houve, mas de uma coisa era certa: Assim que voltasse a verdadeira realidade, nunca mais seria o mesmo novamente.




avatar
Origin's Word Creator

Posts : 562
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
140/140  (140/140)
St:
0/0  (0/0)
MC:
0/280  (0/280)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Perdhro on Wed Mar 29, 2017 7:37 pm

Em seus últimos momentos, Mordred não foi mais o mesmo. Enquanto avançavam com suas armas sagradas, os guerreiros puderam notar a figura por trás daquele monstro que anunciava sua própria queda com um urro de falsa resistência. Aquilo nada mais era do que um jovem derrotado pela sua própria ambição tola, o qual não teve descanso nem mesmo em sua morte. No fim das contas, a alma de Mordred era apenas uma prisioneira da besta fantasmal da Ira, nada diferente daquelas outras que foram salvas pelos combatentes anteriormente.

Os primeiros golpes foram resistidos, mas foi impossível para o monstro manter-se firme quando todos o atingiram juntos. Por mais que pudesse moldar aquela realidade, jamais poderia equiparar-se com o poder de todos aqueles guerreiros juntos. Separados, eles protagonizavam uma guerra caótica, mas unidos poderiam significar a esperança daquele local.

Junto com Mordred, aquela realidade ruiu conforme as armas lendárias penetravam o corpo rochoso daquela última forma do tão resistente inimigo. Suas forças haviam finalmente se esgotado, e nada pôde fazer enquanto via seu tão desejado império cair perante os magos e servos ali presentes. Naquele momento, centenas de almas eram libertadas do controle e da influência da besta, e finalmente deixavam de ser escravos da própria ira. Era como se todas elas agradecessem aos combatentes, inclusive o próprio Mordred.



Quando a clareira provocada pelos golpes cessou, todos se depararam com a mesma floresta novamente, mas em outro tempo. Os dias passaram normalmente, mas Lupus estava realmente morto e jogado ao chão. No local aonde Mordred estava, apenas uma lança cravada ao chão fazia-se presente, e aos seus pés haviam diversos pedaços de sua armadura. Um par de ombreiras, um par de braceletes, um par de caneleiras, um peitoral, um par de soqueiras e a própria lança, que apesar de não ser a Rhongomyniad parecia exalar um poder semelhante. A frente de todos esses itens, uma runa luminosa formava escrituras desejadas unicamente aos guerreiros.

Aos heróis, os espólios. É recomendável que cada um de vocês leve como prêmio um, e apenas um desses itens. Seu desempenho foi excelente, e seria um desperdício se finalizassem essa trégua com um combate pela recompensa. Quanto a mim, opto por ser identificado como Perdhro. Sou detentor de todo o conhecimento, e também aquele que os auxiliou com as luzes quando enfrentavam o inimigo. Ainda hei de encontrá-los, mas apenas num futuro distante.
avatar
Perdhro

Posts : 48
Join date : 2017-01-25

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Ryou Hayashi on Wed Mar 29, 2017 9:00 pm

Uma luz sutil se materializou ali perto, uma onda de energia tranquila pareceu revitalizar os heróis que estiveram naquela penosa batalha durante tanto tempo, tanto que sequer o sentido das horas havia sido contabilizada em seus corpos até que vieram a sair da realidade caótica que haviam adentrado.

Todavia, diante daquela luz, seus corpos pareciam se recuperar, e ela ficou ali, parada, como se aguardasse que os presentes pudessem tomar seus espólios.

-x-


Só para não ser pau no cu, essa luz recuperou vocês do status exausto, mas vocês ainda precisam comer e recuperar dos seus ferimentos.
Quando terminarem de pegarem o loot, só parar na frente da luz e apertar x (?),
avatar
Ryou Hayashi

Posts : 924
Join date : 2017-01-02

Ficha
Hp:
0/0  (0/0)
St:
0/0  (0/0)
MC:
0/0  (0/0)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Edgar Poem on Wed Mar 29, 2017 9:18 pm

Um sentimento de exaustão percorria o corpo de Reaver, apesar de ser um servo e não se cansar ele sentia que poderia dormir por dias. Ficava um tempo parado olhando para sua mão, não acreditava no poder daquela lança e a sensação de usa-la havia sido incrível diferente de tudo que já havia testemunhado, ele se sentiu como um verdadeiro herói.

-Então essa é a sensação... - sussurrava. Se virava para os outros conforme suas roupas e corpo voltavam ao normal e o mundo de Mordred se ruía.

--Obrigado, é tudo que posso dizer, especialmente a você Saber, eu não esperava me aliar a você. - Ele sorria após falar, sua atenção então era atraída pelas runas escritas no chão.

--Esse sim é um verdadeiro mistério... Se me dão licença eu fico com a lança. - falava enquanto se dirigia até a lança e a tirava do chão, não era a mesma sensação de antes, mas com ela sentia que poderia ser um verdadeiro guerreiro. Então se sentava no chão sendo iluminado por aquela misteriosa luz, sentia a exaustão passando apesar de não ser física.

_______________________________________________________
avatar
Edgar Poem

Posts : 248
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
110/110  (110/110)
St:
0/0  (0/0)
MC:
10/420  (10/420)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Nerus on Wed Mar 29, 2017 9:26 pm

Nerus dera de ombros, simplesmente decidido a fingir que aquele dia não havia acontecido. Sentiu seu corpo mais leve, mas ainda estava com fome e, surpreendentemente, irritado. 
 Apenas fora em frente, aleatoriamente pegando um dos equipamentos que Mordred havia deixado para trás: O peitoral.
 Ficara por mais algum tempo, o suficiente para que a luz revigorasse sua energia, e, sem dizer mais nada, apenas decidira traçar o caminho de volta para casa, sem se dar ao favor de avisar que estava se retirando, ou algo do tipo. Não era como se eles se importassem com isso, de qualquer forma.
avatar
Nerus

Posts : 201
Join date : 2017-01-03
Age : 18

Ficha
Hp:
226/250  (226/250)
St:
7/8  (7/8)
MC:
100/350  (100/350)

https://6cappu6ccino6.wordpress.com/

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Zyan Wakaizumi on Wed Mar 29, 2017 9:43 pm

O garoto iria até a posição de onde estavam as caneleiras, ele a pegava mas não a equipava, deixava ela apenas escondida em seu grande manto preto, já que sua transformação havia acabado. 

- De volta ao normal. 

Ele apenas andava calmamente até aquela misteriosa luz, como se fosse a abraçar, embora ela não tivesse forma física, ele só queria sair finalmente daquele local que estava o atormentando mentalmente. 


- Obrigado, espero que eu seja recebido bem naquela porra, com banquete e até mesmo prostitutas medievais. 

Dando uma risada, o Phoenix apenas se manteve sério diante a aquela situação. Fez um joinha para todos os presentes, depois voltou o seu olhar para Shariz.

- Você não está sozinho, esse mesmo homem é membro de uma organização chamada Mesh, cujo foram responsáveis pela tortura e estupro de Aimee Lucius. Brandon deseja a vingança, assim como você em relação ao seu clã. 

Com um olhar entristecido, ele apenas se manteve parado escondido em seu manto negro, esperando a luz o fortalecer novamente.

- Irei te oferecer abrigo e o necessário para que você fique novo em folha de novo. Depois disso, sua vida não será trancada no ódio, você será salvo da mesma maneira que Brandon Lucius foi, um grande homem irá auxiliar você. 

Sem dar dicas, ele continuou na luz. 

avatar
Zyan Wakaizumi
Leode
Leode

Posts : 527
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
160/160  (160/160)
St:
100/100  (100/100)
MC:
1120/1120  (1120/1120)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Origin's Word Creator on Wed Mar 29, 2017 9:56 pm

O árabe estava completamente exausto após disparar aquela magnifica rajada de luz dourada . . . Mas a sua mente, em compensação, não estava nem um pouco em estado de paz naquele momento. Mesmo com a influencia de Mordred finalmente destruída junto com a cópia da arma lendária, sua mente e suas lembranças voltaram o atormentar de tal maneira que toda o seu raciocínio agora era movido pelo ódio e angustia. E nisso surgiu aquela figura suspeita que basicamente lhe oferecia uma ajuda para poder dar ao primeiro passo em sua vingança . . . Mas ainda precisava ver uma pessoa antes de se decidir totalmente sobre o que iria fazer dali em diante e como viveria.


. . . Podemos conversar melhor amanhã ? Com o meu estado mental de agora, serei incapaz de tomar qualquer decisão . . . E espero não abusar de sua hospitalidade. - Afirmava enquanto notava que estava apertando tanto sua própria mão com os punhos fechados que chegavam a sangrar . . . E antes que pudesse seguir para a direção oposta dele, concluiu- . . . . E traga Brandon também, tenho muitas perguntas para fazer a ele. Eu preciso saber como vocês sabem sobre o meu passado e como tem total certeza de que seja ele.

Por fim, se dirigia até os espólios que estavam no chão e pegava as estranhas ombreiras . . . Para ser mais especifico, as equipava já que não tinha como as guardar para poder a analisar mais tarde e assim que o fez, seguia até a luz aonde provavelmente se recuperaria um pouco da exaustão que sentia naquele instante.

. . . Eu preciso dominar esta magia logo . . . Minhas runas precisam ficar mais poderosas.


avatar
Origin's Word Creator

Posts : 562
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
140/140  (140/140)
St:
0/0  (0/0)
MC:
0/280  (0/280)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Houko Choi on Thu Mar 30, 2017 12:27 am

*Após o golpe que finalizava com a besta fantasma com um forte clarão, Houko ficava ali parado vendo os inúmeros orbes de luz surgindo ali para logo então começaram a se dispersarem pelo local transmitindo certa sensação de paz e graças a seu Pure Eyes exposto ele podia ver a alma daquele jovem cavaleiro que pareceu ser só uma das vitimas das circunstancia e isso fazia o “cavaleiro” fechar seu olho exposto por instantes conforme tudo ia caindo, ruindo e desaparecendo, enfim estavam de volta a boa e velha realidade e a fadiga no corpo denunciava o excesso de tempo que ficaram ali*
 
-Meu corpo doi. –A dor era principalmente nos braços que projetaram tamanhas armas e na mente ao qual foi usada para imagina-los e então permiti-los renascer por sua própria força, por seu próprio poder, o moreno estava realmente esgotado e seu braço usado para disparar a lança sagrada se recusava a se mover e apenas tremia quando ele comandava o movimento.
 
-E não parece responder de forma adequada. –A luz então veio e recuperou boa parte de sua fadiga o permitindo então serrar o punho exposto onde a armadura se rompeu por não resistir ao poder da arma disparada anteriormente, esta que provavelmente agora era apenas poeira e detritos assim como aquela realidade alternativa.
 

-Recomendável e não obrigatório, apenas isso que eu precisava saber... 
*Pouco a pouco a energia nefasta daquele homem ia se manifestando, sua mão se erguia devagar e seguia até sua face enquanto seu olho fechado se abria devagar expondo o verde completo com um fino fio preto que seria a pupila bem no centro. A treva tomava o rosto do homem e completava novamente seu elmo e isso seguia para sua manopla destruída, logo, ele estava com sua armadura restaurada*
 
-Aonde pensa que vai? –Segurou novamente Nerus pelos cabelos só que dessa vez o puxou com força e o fez ser jogado para frente e cair sentado no chão e por ter sido um movimento bruto ele provavelmente não iria cair com jeito. Após o feito a armadura branca era novamente tomada pelo negro vagarosamente, os cabelos clareados agora voltavam a escurecer e aqueles traços nítidos em esmeralda ressurgiam também junto a expressão lupina e profana do homem que seguia abrindo seus braços devagar.
 
-Que lamentável, parece que os julguei terrivelmente mal, vocês não são meros grãos de poeira, vocês são realmente talentosos e poderosos, principalmente juntos. –A energia ia aumentando e se manifestava como eletricidade enegrecida de contorno esmeralda que seguia subindo e causando certo dano sutil ao solo, chegava até mesmo a emitir ruídos que pareciam gemidos aflitos.
 
-Se eu me descuidar nem que seja por um instante com cada um de vocês meus ideais serão eliminados e lançados ao vento como os dessa besta, vocês não me deixam escolha, não posso permitir que se fortalezam ainda mais. –Serrou os punhos e já tinha a voz novamente adulterada para aquele aspecto profanamente divino que possuía naquela forma, pouco a pouco o solo então tremia e ele ia afastando devagar os pés.
 
-Acabou a brincadeira, não posso deixar que meros humanos como vocês continuem ignorantemente profanando o que pertence aos deuses, é hora de mostra o verdadeiro poder de um deus. –Os cabelos “diminuíram” devido recuperarem aquele volume anterior e agora serem “preenchidos” por aqueles traços verdes e brilhantes e agora o elmo se rompia expondo a boca do monstro junto a seus olhos cheios de rancor tão brilhantes quanto.
 

-AJOELHEM-SE PERANTE O MEU PODER! 
*Urrou intensamente alto a ponto das ondas sonoras de seu grito se dispersarem afastando todos a uma distancia razoável que se estendeu com o estouro de uma forte energia negra e verde que foi se comprimindo aos poucos até enfim abrigar apenas Houko que agora se expunha como uma besta negra*

 

-Aqueles a meu favor que se ajoelhem e aqueles contra mim... QUE MORRAM! –Urrou novamente só que agora com menos impacto que antes, agora estava ali como um animal de quatro patas com os cabelos enormes e até mesmo direito a cauda, havia de fato se transformado naquilo novamente e iria usar disso para poder enfrenta-los sozinho se fosse preciso.


1D20 + 6 + 12 + 12 para iniciativa contra TODOS os presentes. 
avatar
Houko Choi
Gwyn-llys
Gwyn-llys

Posts : 504
Join date : 2017-01-07

Ficha
Hp:
160/160  (160/160)
St:
0/0  (0/0)
MC:
1820/1820  (1820/1820)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Administrador on Thu Mar 30, 2017 12:27 am

The member 'Houko Choi' has done the following action : Lançar dados


'20' : 4
avatar
Administrador
Ultimate One

Posts : 854
Join date : 2016-12-20

Ficha
Hp:
1/1  (1/1)
St:
1/1  (1/1)
MC:
1/1  (1/1)

http://steigen.forumotion.com

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Émilie on Thu Mar 30, 2017 1:23 am

Conforme a luta ia terminando, a ira da loira ia desaparecendo. Suspirou, sentindo-se, agora, muito mais leve, e levava a mão até os braceletes, os equipando. Enquanto ouvia a conversa do mestre com outros, apenas ficava os encarando, pensando se teriam ficado legais com sua roupa.

Então, Houko começava a ter um ataque de raiva, vindo de sei lá onde, e a única coisa que Emilie fez foi recuar e logo prontificar-se de empunhar sua espada. Começava a pensar que ele deveria tomar algum medicamento, mas como passaram muito tempo dentro daquela realidade diferente, talvez tenham perdido seus efeitos e ele teria ficado verdadeiramente louco. 

— ... Mas que por...?? 


1d20+5 pra iniciativa
avatar
Émilie

Posts : 195
Join date : 2017-01-06

Ficha
Hp:
189/380  (189/380)
St:
1/1  (1/1)
MC:
300/300  (300/300)

Back to top Go down

Re: Floresta

Post by Sponsored content


Sponsored content


Back to top Go down

Page 17 of 19 Previous  1 ... 10 ... 16, 17, 18, 19  Next

View previous topic View next topic Back to top


 
Permissions in this forum:
You cannot reply to topics in this forum